Os Melhores Resorts para Viajar com Bebê

Existem 3 segredos para viajar com bebê: acreditar que tudo vai dar certo, descomplicar e planejar o melhor hotel para sua família. Nicolas fez 2 anos e já são 22 viagens, a maioria viagens curtas para hotéis, fazendas e resorts focados em viagens para família. Descobri que cada um tem um perfil e compartilho com vocês nossa experiência abaixo.

*Alguns fomos como pagantes, outros como convidados, mas em cada comentário abaixo tem apenas a minha verdadeira opinião. Todos os hotéis mencionado nesta reportagem foram visitados e vivenciamos momentos felizes.

*Fomos em mais hotéis além dos mencionados, alguns que não gostei ou não indico, e por isso não estão mencionados nesta reportagem.

 Grande Hotel Senac São Pedro


Estivemos lá quando Nicolas tinha 7 meses, depois com 1 ano e 3 meses, 1 ano e 9 meses e com 2 anos. Pelo número de vezes fica fácil concluir que é nosso hotel favorito, mas vou explicar o porquê: o hotel é bom para adultos e crianças. Para adultos pela excelência no atendimento a alta gastronomia (lá é um hotel escola de gastronomia). Para os bebês e crianças, pelo novo Parque Aquático (cheio de exploração na água com escorregadores, toboáguas, brinquedos de espirrar água, piso emborrachado, formas arredondadas em todos os brinquedos, água climatizada) e pelo espaço de brinquedoteca construído pensado em cada faixa etária. No quarto, eles disponibilizam berço, banheira, aquecedor de mamadeira, cabides infantil, protetores de cantos. Na Copa do Bebê você pode armazenar sua papinha levada de casa no freezer/ geladeira deles ou solicitar papinha feita na hora pelo hotel (cobrada à parte), além de contar com a estrutura de água para mamadeira, microondas, esterilizador de mamadeira, frutas disponíveis o tempo todo. O restaurante infantil tem horários mais cedo do que o adulto, iniciando o almoço às 11h30 e jantar às 18h30, o que faz toda diferença para bebês de 1 ano. E se você precisar de algum alimento que não tenha no dia, como filé de frango ou molho de tomate, é só pedir. Para os adultos, além das piscinas, quadras de tênis, academia, trilhas e SPA, o ponto forte é a gastronomia. Lá os ingredientes são sofisticados, diferente da maioria dos outros resorts. Há quem não goste, se você quer ter refeições informais (não pode entrar com regata ou roupa de banho, por exemplo) ou comer pizza, sanduíche, massas simples, lá não é o lugar. Já eu que amo uma boa gastronomia, estou oficialmente impressionada em como nas 4 vezes em que fui, nunca o cardápio foi o mesmo. Inclusive gosto de participar dos “encontros com o chef” que eles organizam, sempre ensinando um prato novo. Na minha opinião, o resort é para quem gosta de sofisticação, gastronomia e o parque aquático. Amo também a arquitetura Art Decó e o glamour dos anos 40 que o hotel preserva.
Site: http://www.grandehotelsenac.com.br/br/sao-pedro
Distância de São Paulo: cerca de 184km, 2h30 de viagem de carro.
Sugestão de época para ir: Costuma ter tempo bom e ensolarado o ano inteiro, com vento mais frio em Junho, Julho e Agosto. Fomos em Junho, deu para aproveitar a piscina, mas à tarde já fazia vento frio. O Reveillon é uma experiência fantástica. Também estivemos nos meses de Abril e Novembro e foi perfeito.
Nossas viagens para este destino no YouTube: aqui, aqui e aqui.

 

 Grande Hotel Senac Campos do Jordão


Estivemos lá quando Nicolas tinha 5 meses e depois novamente quando completou 1 ano. Assim como mencionado acima, o hotel disponibiliza toda a estrutura para bebê no quarto, Copa do Bebê e restaurante infantil com horários mais cedo. Faz papinhas na hora (vendidas à parte) ou armazenam a papinha que você levar. Não gosto da área do Playgroud deste hotel, no alto de um morro (acesso de escada), isolado e cheio de mosquitos. Mas o ponto forte e que tornou nossa experiência uma delícia é a tranquilidade, a beleza dos jardins e a piscina aquecida. O ar puro de montanha! Existe um bosque no qual conseguimos até passear de carrinho com o Nicolas, uma delícia. Não existem piscinas externas, apenas cobertas e aquecidas, o que pode ser uma experiência muito agradável para bebês de 6 a 12 meses. A brinquedoteca é montada nas salas de convenções e não tenho opinião formada sobre a equipe de recreadores disponíveis porque não participamos das atividades, Nicolas era muito pequeno (apesar que foi lá a primeira caça aos ovos de Páscoa dele, pelo bosque atrás do coelho seguindo as pegadas, foi demais!), mas considero um hotel perfeito para os pais de bebêzinhos descasarem, é perto de São Paulo, gastronomia impecável, conforto, sofisticação, paz da montanha. Diferente do hotel anterior, na unidade de Campos do Jordão além de aproveitar o hotel, o hóspede também é convidado para atividades fora do hotel, nos pontos turísticos da cidade. Com eles conheci os Jardins Amantikir, um dos lugares mais lindos que já fui em Campos d0 Jordão.
Site: http://www.grandehotelsenac.com.br/br/campos-do-jordao
Distância de São Paulo: cerca de 175km, 2h de viagem de carro.
Sugestão de época para ir: sempre que quiser aproveitar o clima de montanha. O feriado de Corpus Christi é o mais cheio de adolescentes no hotel, então não recomendo com bebê. Julho é alta temporada. Dizem que a ceia de Natal é extraordinária. Eu fui em Abril e Setembro e foi maravilhoso.
Nossas viagens para este destino no YouTube: aqui e aqui.

 

 Transamérica Comandatuba


Fomos duas vezes ao Transamérica Comandatuba, da primeira vez quando Nicolas tinha 1 ano e 2 meses, e depois para o evento do Fashion Weekend Kids, que sempre acontece na última semana de Julho, ele tinha 1 ano e 4 meses. Vale destacar esse resort pela questão da logística em épocas de férias e feriados: o resorte em voos fretados que vão direto para o aeroporto de Una, 10 minutinhos do hotel. Quando o avião pousa, você não precisa se preocupar em pegar as malas. Todos os passageiros vão direto para os ônibus executivos providenciados pelo hotel e em 5 minutos já estamos atravessando o rio com a balsa para chegar na ilha de Comandatuba. Chegando lá, seu check-in já está feito, é só pegar o envelope com seu nome contendo as chaves. As malas chegam junto com você no hotel. Para quem tem crianças, é fantástico não ter que se preocupar em carregar nada, não se preocupar com nada. A volta é melhor ainda! Como o voo é fretado do hotel, você não precisa sair do quarto com tantas horas de antencedência. No próprio hotel você faz o check-out do hotel e check-in do seu voo, as passagens já ficam lá. O próprio hotel recolhe suas malas, as etiqueta, coloca no caminhão e despacha no voo, você mais uma vez não precisa carregar malas. O ônibus te leva para o aeroporto em 5 minutos e você já embarca. É fantástico! O resort é enorme e a Bahia por si só sempre tem boas energias. Praia tranquila somente para os hóspedes (é uma ilha…), piscinas e uma área muito grande com diversas atividades. Existe um espaço infantil afastado, Nicolas não participa das atividades lá ainda porque são para crianças acima de 4 anos, mas como tem lanchinho incluso no espaço infantil, de vez em quando a gente vai lá aproveitar o lanchinho. O hotel também conta com um restaurante infantil com horário mais cedo (no almoço abre às 11h e no jantar, às 18h) – crianças até 5 anos tem o almoço incluso cortesia (para adultos, depende do pacote escolhido, se você terá meia pensão ou pensão completa). Existe uma brinquedoteca no térreo da área norte que costuma ficar cheia de crianças nos horários de sol forte ou fim da tarde – eu particularmente acho que deveriam construir uma espaço melhor porque o hotel recebe muitas crianças pequenas e ali é uma área de passagem da academia. A Copa do Bebê é bem grande, com frutas disponíveis a qualquer momento. Existem uma asssociação de babás treinadas pelo hotel, todas com mais de 4 anos de experiência, que podem ser contratadas à parte para te auxiliar, são todas muito boas.
Site: http://www.transamerica.com.br/comandatuba/
Distância de São Paulo: como é Sul da Bahia, são cerca de 2h de voo. Caso não tenha o voo fretado, precisa ir para Ilhéus e depois 1h de translado até Comandatuba.
Sugestão de época para ir: em geral faz tempo bom o ano inteiro, mesmo na época de chuvas, as chuvas são rápidas e passageiras. Estivemos lá em Maio e Julho.
Nossa viagem para este destino no YouTube: aqui.

 

 Santa Clara Eco Resort


Passamos um fim de semana lá quando Nicolas tinha 1 ano e 11 meses e gostamos demais, queremos voltar. Uma fazenda do início do século XX, com sede construída pela família do Presidente Washington Luis. Agora em 2017, pelo site Trip Advisor, ficou e 2º lugar como melhor hotel para famílias do mundo, 1º lugar em melhor hotel para famílias da América do Sul, 1º lugar em melhor hotel para famílias do Brasil, 8º lugar como melhor hotel do Brasil e 24º lugar em melhor hotel em atendimento do Brasil. O quarto que ficamos era enorme (com berço disponível). Adoramos a comida, bem típica de fazenda e com muitas opções de pratos quentes. No café da manhã sempre tem estação de tapioca, omeletes e pão na chapa, no almoço sempre tem grelhados feitos na hora, todas as noites tinha pizza também feitas na hora. Fiquei surpreendida com as opções saudáveis – no café da manhã, além do pão de queijo normal, também tinha pão de queijo integral com sementes. E a fazenda tem plantação orgânica de várias frutas, legumes e hortaliças. Achamos perfeito para uma experiência que mistura um grande hotel, com bom atendimento e gastronomia, mais a parte de fazendinha e natureza. Visitamos os animais, fizemos a trilha da cachoeira, visitamos a horta. A brinquedoteca também é enorme e cheia de opções para várias idades desde bebêzinhos (apesar que achei meio bagunçada e não gosto daquele tapete de grama sintética que fica sempre sujo, é difícil de limpar). As piscinas são uma delícia, tem piscina aquecida e coberta, piscina externa climatizada, piscina estilo prainha. O hotel conta com muitas atividades como parque de aventuras, com rapel em cachoeira, 02 circuitos de Arvorismo, megatirolesa, arco e flecha, parede de escalada, passeio de caiaque, acquaball, cavalgada e centro hípico com aulas de equitação – não aproveitamos essas atividades pelo pouco tempo que ficamos no hotel e pela idade do Nicolas, ainda bebê. Para crianças maiores, eles estavam se divertindo muito. Para os adultos, tem também SPA L’Occitane, super bonito e ótimo atendimento. Tem estrutura de Copa do Bebê, mas não precisamos usar, por isso não tenho comentários. Leve sua bolsa térmica para comprar os produtos direto na horta orgânica do hotel que eles vendem na saída!
Site: http://santaclaraecoresort.com.br
Distância de São Paulo: cerca de 230km, 3h30 de viagem de carro.
Sugestão de época para ir: nós fomos em Março e tivemos um fim de semana de sol. É uma região quente do Estado de São Paulo, acredito que faça tempo bom o ano inteiro, mas confirme na central de atendimento.
Nossa viagem para este destino no YouTube: aqui.

 

 Royal Palm Plaza


Não tem uma pessoa que eu indique este resort que não volte feliz com o fim de semana agradável. Durante a semana o hotel é cheio de convenções de empresas (lembro de eu ser a única andando com uma boia de sapo para piscina no meio de vários engravatados), mas aos fins de semana e feriados as famílias lotam o lugar. A vantagem para quem mora em SP é ser bem pertinho da capital. São 7 piscinas, sendo 4 climatizadas e 2 piscinas infantis com jatos dágua, balanços e toboágua. Estivemos lá quando Nicolas tinha 1 ano e ele aproveitou demais todas as piscinas, adorou. O hotel tem a ala principal e mais antiga (Royal Palm Resort) e uma ala anexa mais nova, chamada The Palms. Quando fui, fiquei nesta área mais nova, porém é muito longe das piscinas – você saí do quarto e não pode esquecer nada porque vai dar preguiça de voltar! Porém há quem prefira ficar nesta ala nova por ser mais silenciosa (justamente por ser afastada), já que na outra, perto da piscina, pode ter sempre barulho. Havia berço no quarto, mas era um modelo simples e baixo que com 1 ano, Nicolas pularia tranquilamente aquele berço, então preferimos que ele dormisse junto conosco na nossa cama, que era bem grande. Existem várias Copas do Bebê espalhadas pelo hotel e eles disponibilizam gratuitamente 2 sabores de papinha em cada refeição, um mais líquido e outro com pedacinhos – ficavam livres na geladeira da Copa do Bebê, era só pegar a hora que quisesse. Sobre o restaurante, eu particularmente acho que não dei sorte e não gostamos tanto da comida, não achamos nada de especial – porém tenho amigas que adoraram, então pode ter melhorado. Existe uma mini vila temática bonitinha para crianças pequenas brincarem e outra com esportes de aventura para crianças com mais de 1,30m de altura.
Site: http://royalpalm.com.br/royal-palm-plaza/
Distância de São Paulo: cerca de 84km, 1h30 de viagem de carro.
Sugestão de época para ir: nós fomos em Abril e estava uma delícia. Acredito que o ano inteiro seja tempo bom.
Nossa viagem para este destino no YouTube: aqui.

 

 Club Med Lake Paradise


Eu e meu marido já havíamos ido em outro Club Med no passado e gostamos bastante, afinal gostamos de praticar esportes e o Club Med é sempre animado. A unidade Lake Paradise era um resort já existente perto de SP, a qual foi comprada pelo Club Med e após um investimento de 20 milhões de reais, abriram as portas em Dezembro de 2016 com a bandeira Club Med e a chancela de 4 tridentes, categoria máxima do resort. É bem perto de São Paulo e a vantagem é que neste resort está tudo incluso, tudo mesmo! Em outros resorts, refeições são inclusas, mas bebidas são à parte, ou refeições e bebidas são inclusas, mas lanches extras ou petiscos na piscina são à parte. No Club Med é tudo incluso de verdade! Todas as refeições, vinhos selecionados nas refeições, drinques alcoólicos na piscina, tudo. Na piscina, em determinado horário, oferecem petiscos, churrasquinho. À tarde tem lanches e frutas disponíveis nos bares, várias garrafas de água gratuitas no quarto, você realmente se sente bem à vontade. Para quem gosta de clima informal, alegre e esportes, é o lugar certo, tem muitas atividades esportivas como aula de trapézio, esportes aquáticos e aulas de golf (tem um horário gratuito mediante reserva e horários pagos à parte para aula particular). Os restaurantes foram todos reformados, a mobília é nova, estão lindos e tem bastante variedade. Entretanto o problema que tive na minha estadia foi justamente com o restaurante. Não existe um restaurante infantil com horário diferenciado. O restaurante abre às 12h30 para crianças e às 13h para publico em geral. Porém, para quem tem bebê entre 1 e 2 anos, que acorda cedo, passa a manhã inteira na piscina, às 11h30 já está com fome! Foi isso o que aconteceu, saímos da piscina às 11h30, chegamos ao restaurante às 12h e não nos deixaram entrar. Eu disse que meu filho (1a10m) estava com fome, que eu só precisava de um filé de frango ou um prato de macarrão com molho vermelho e mesmo assim a nutricionista responsável não me deixou entrar. Haviam outros pais com filhos pequenos também esperando a abertura do restaurante. Enfim, nunca vi recusarem comida para um bebê num hotel deste porte e isso estragou nossa viagem! No jantar, a mesma coisa, o restaurante só abria 19h30, mas desde às 19h Nicolas estava com fome. Ouvi dizer que papinha eles fazem mediante reserva antecipada, no horário que você quiser. Mas meu filho não comia mais papinha e sim comida normal. Na minha opinião o hotel é ótimo, mas para quem tem crianças maiores (acima de 4 anos) que realmente vão participar das atividades, brincar no Club Kids com os GO’s (forma como eles chamam os recreadores). O kids Club era muito longe do nosso quarto, uma super caminhada (também não entendo porque não colocam pais de filhos pequenos perto da Copa do Bebê ou Kids Club, a gente estava longe de tudo) e fiquei frustrada por não ter uma parte destinada à bebês no Kids Club, como todo hotel tem. Amamos a piscina aquecida infantil e Nicolas se divertiu até na boate à noite, o clima é de bastante alegria no hotel, bom também para viagens com famílias grandes, para cada um aproveitar o que quiser e ficar à vontade.
Site: https://www.clubmed.com.br/r/Lake-Paradise/y
Distância de São Paulo: cerca de 40km, 1h de viagem de carro.
Sugestão de época para ir: nós fomos em Janeiro e estava tempo ótimo. Acredito que o ano inteiro seja tempo bom.
Nossa viagem para este destino no YouTube: aqui.

 

 Fazenda Capoava


Estivemos nesta fazenda quando Nicolas tinha 1 ano e 3 meses e era para eu conhecer a estrutura para casamentos, mas haviam tantos pais e bebês no local que resolvi incluir na lista. A vantagem da Fazenda Capoava é ser pertinho de São Paulo, na região de Itu. O casarão da fazenda é de 1750, lindo! A Fazenda faz parte do Roteiro do Charme e eu fiquei encantada com a preservação de história, a culinária e natureza do local. Não é o melhor lugar para andar com carrinho de bebê (cheio de degraus, caminhos de terra ou pedra), mas parecia que pais de bebêzinhos nem se importavam, estavam ali para um fim de semana de descanso com seus bebês num local especial. Quando fui, havia uma piscina só, mas estavam iniciando a construção da nova piscina e vi pelo site que agora já está pronta e são climatizadas. Um dos diferenciais do local é a presença de um biólogo e ações de educação ambiental. Eles recebem na fazenda animais em recuperação e cuidam de corujas, tucanos entre outros, todos animais que as crianças podem conhecer junto com o biólogo. Também tem cavalgadas e aulas de equitação. O restaurante é super agradável, cada quarto tem sua mesa reservada e a comida é típica de fazenda. Para bebês e crianças eles disponibilizam um ficha na qual todos os dias você pode escolher entre papinha e comidinha, a consistência e ingredientes da papinha e horário da refeição. Nicolas já estava comendo comidinha, mas como comia num horário mais cedo, conseguíamos programar o almoço dele e depois almoçar nós adultos tranquilamente (durante a soneca dele).
Site: http://www.fazendacapoava.com.br/
Distância de São Paulo: cerca de 40km, 1h de viagem de carro.
Sugestão de época para ir: nós fomos em Janeiro e estava tempo ótimo. Acredito que o ano inteiro seja tempo bom.
Nossa viagem para este destino no YouTube: aqui.

Relações profissionais

CONVERSE COM A GENTE