• Navegue por Localização
  • Brasil

A revolução do primeiro trimestre

Natália Vignoli é nutricionista, mamãe da Letícia e colaboradora do blog com suas dicas de nutrição para grávidas, mamães, bebês e crianças.

Quando recebemos a notícia de que estamos grávidas, em geral com 5 semanas, ficamos encantadas. Não temos nenhum sintoma além do atraso da menstruação.

Como em um passe de mágica, lá pela 8ª semana, parece que o nosso mundo vira de cabeça para baixo! Sono, muito sono. Enjoos, diversos e variados. As vezes espinhas e um humor que mais parece uma montanha russa.

O apetite fica pequeno e as vezes chegamos até a perder peso. Esses sintomas são comuns e acometem a maioria das mulheres. Pensando nisso, listei algumas dicas que podem ajuda-la a passar por esse primeiro trimestre!

vdm01 Enjoos: muito comum. A altas dose de administração de ácido fólico + progesterona é o combo perfeito para a gestante ficar nauseada. Como conseguir se alimentar com tanto embrulho no estômago? Vamos lá!

– Coma menos, mais vezes ao dia;

– Prefira alimentos frios e pouco temperados;

– Congele frutas e cubos de suco de frutas e vá chupando durante o dia;

– Faça água aromatizada com gengibre;

– Prefira alimentos pastosos;

– Se tolerar, invista em alimentos saudáveis mais de alta densidade energética, ou seja, alimentos que em pequenas quantidades, contêm mais calorias, como o açaí, abacate, tahine, nuts. Faça a tentativa, como são gordurosos, podem aumentar o enjoo.

vdm02 Perda de peso: calma. É normal e esperado. A preocupação vem quando os vômitos são frequentes e volumosos. Avise seu médico! Aqui também vale investir em alimentos de alta densidade energética.

vdm03 Intestino preguiçoso: comum. A progesterona baixa o tônus muscular. Não queremos contração uterina nesse momento. Nessa jogada, o intestino entra! Invista na nossa querida Biomassa de Banana Verde, incrementando sucos, sopas, caldos. Use probióticos! Rale batata yakon na salada e faça docinhos com ameixa seca. Evite ao máximo laxantes, mesmo os “naturais”. Eles descamam e irritam a parede gástrica, prejudicando a absorção de nutrientes.

vdm04 Intolerância a proteínas: algumas gestantes não conseguem comer carnes e grãos, como feijões. Por precisarem de um processo digestivo maior, as proteínas podem ser recusadas em algum momento. Para isso, vale testar receitas com carnes picadas, desfiadas e processadas, na forma de hambúrgueres saudáveis, tortinhas e misturadas com purês. Os grão podem entrar como sopa e caldos mais grossos. Mas se não funcionar nem dessa maneira, é importante consultar uma nutricionista e avaliar o uso de um suplemento proteico!

Nos próximos posts, vou dar receitas e sugestões para cada íten da nossa lista!

Colunista_Natalia

Alimentação na Gravidez


comendo-melhor-gravidez

Logo que me descobri grávida, uma das minhas primeiras preocupações foi a alimentação. Eu tinha noção que minha alimentação não era mil maravilhas e queria fazer mudanças saudáveis pensando no bebê. Não que fosse péssima, eu não como frituras, não bebo refrigerante, não sou de comer besteiras. Meu ponto fraco são os doces, amo comer doces. Mas sempre gostei também de verduras, legumes e frutas. Meu problema maior mesmo é tempo para organizar as refeições. Saio de casa correndo porque durmo até o último minuto (tenho pouco tempo pra dormir no meu dia a dia, então levantar mais cedo para me arrumar com calma está fora de cogitação), nem tomo café da manhã em casa. Costumava tomar um chá só quando chegava no trabalho. O almoço sim é minha melhor refeição, quando faço um prato com carne (de preferência peixe ou frango), arroz só integral, verdura, legumes e frutas. Já o jantar, nem sei o que falar. Cada noite tenho compromissos diferentes entre eventos e festas por conta do blog Vestida de Noiva. E mesmo quando não tenho nada e estou em casa, não tenho tempo de pensar no cardápio, comprar ingredientes e fazer, por mais que seja um prato de 20-30 minutos, porque a noite que eu me dedico aos blogs. Então de vez em quando eu faço algo saudável, mas de vez em quando como qualquer lanche rápido, peço comida por telefone, enfim, não tinha uma regularidade ou padrão.

Mas grávida, sabia que minha alimentação iria influenciar a formação e desenvolvimento do bebê. Fui atrás de mudança. A primeira coisa que fiz foi ler todos os posts que a nutricionista Natalia Vignoli já escreveu aqui no blog, são realmente ótimos. Marquei também consulta com uma nutróloga e uma nutricionista. Até segui por 2 meses a rotina de comprimidos de vitaminas que a nutróloga passou, mas depois resolvi seguir apenas com o suplemento passado pelo meu obstetra, que é contra a ingestão de excesso de vitaminas. Quanto à nutricionista, simples não consegui colocar na minha rotina preparar as refeições do jantar, por mais simples que fossem.

A solução foi procurar os serviços de comida saudável pronta. Felizmente em São Paulo está na moda a busca por uma alimentação saudável e diversos serviços de entrega em domícilio estão surgindo, desde sucos verdes, produtos orgânicos até refeições prontas. Pesquisei na internet e achei uma empresa de refeições prontas que entrega a comida diariamente em casa, ou seja, feita no dia, sem ser congelada. Testei por algumas semanas. Não gostei. O cardápio era criado para pessoas em regime (e não grávidas, apesar de estar escrito esta opção no site deles), ou seja, tinha dias que vinha sopa e salada, vinha gelatina de sobremesa (o que acho um absurdo, porque é puramente um produto artificial cheio de corantes), enfim, eu mais me irritava com as opções que vinham do que ficava contente, e só sopa e salada não matava minha fome de grávida.

Até que descobri a Light 4 You. Primeiro fiquei receosa porque são refeições congeladas. Mas resolvi experimentar. Juro, são deliciosas. Comecei experimentando os pratos prontos balanceados para mulheres. Cada comida bem embalada à vácuo dentro de saquinhos, é só colocar os saquinhos dentro de uma panela com água fervendo por 5 minutos e pronto! Daí abro os saquinhos, monto um prato bem bonito e é só aproveitar. O lado bom é que você pode escolher seus pratos favoritos, fazer a encomenda online através do site e receber tudo na sua casa. As entregas são sempre após às 17h, o que acho ótimo porque é no horário que já estou em casa (ou chegando, enfim, não ficam muito tempo na portaria). Daí é só colocar tudo no congelador e cada dia você escolhe o que quer comer, em 5 minutos fica pronto.

Estou feliz que são novos parceiros aqui no blog porque eu realmente estou amando ter refeições saudáveis e práticas em casa. Esse era meu maior problema na hora do jantar e acredito que pode ser o mesmo para vocês também. Até meu marido está amando as refeições! A equipe da empresa é super bacana, vale a pena no pedido vocês mencionarem que estão grávidas porque se eles identificarem qualquer pedido com ingredientes não indicados para gravidez, eles avisam. Eu havia pedido o arroz integral árabe, mas tem canela, que não é indicado para grávida, então trocaram por arroz integral com brócolis.

O que não pode faltar no prato das tentantes

Por: Natália Vignoli

Fertilidade e alimentação andam de mãos dadas! Sabemos que um consumo equilibrado de nutrientes dá aquela força para as futuras mamães que engataram nas tentativas!

É evidente que não existe um alimento milagroso, mas um padrão alimentar que favorece a saúde do corpo! Isso acontece quando priorizamos alimentos frescos, orgânicos, cereais integrais minimamente processados, leites e derivados com baixo teor de gordura, carnes brancas e gorduras ricas em ômega 6 e 3 – óleos vegetais, azeite de oliva e peixes selvagens de água fria.

Essas combinações citadas fazem parte da ideia proposta pela dieta do Mediterrâneo (praticada pelos povos dos países banhados pelo mar Mediterrâneo), a qual é rica em alimentos fontes de vitaminas do complexo B, aminoácidos essenciais, fibras e antioxidantes. Hoje vou começar a falar um pouco dessa alimentação e de uma novidade para os brasileiros!

Recentemente foi publicado em meios de comunicação um projeto que a equipe do HCor (Hospital do Coração) está realizando: eles adaptaram essa dieta à realidade e hábitos brasileiros, trazendo mais saúde com menor custo!

Para colocar esses alimentos no prato sem perder a mão na quantidade, a equipe de profissionais associou os alimentos às cores da bandeira do Brasil: alimentos de vasto consumo, como verduras, legumes e frutas, representam a cor verde – maior cor da bandeira. Alimentos de consumo moderado, como cereais, são da cor amarela e os alimentos que devem ser consumidos em menor quantidade, são representados pela cor azul da bandeira.

O que faz parte da dieta do Mediterrâneo e o que foi substituído:

  • Alto consumo de vegetais e legumes orgânicos – manteve!
  • Alto consumo de frutas orgânicas – manteve!
  • Presença de uma grande variedade de cereais integrais como arroz integral, negro, aveia, cevada, centeio, gérmen de trigo, milho, quinua, trigo – manteve!
  • Leguminosas variadas, como feijões, lentilhas, ervilhas, grão de bico, fava, soja – manteve e aqui temos muita sorte, a quantidade e tipos de feijões que temos não é para ninguém botar defeito!
  • Oleaginosas – castanhas, amêndoas, avelãs, macadâmias, linhaça e nozes. Aqui, a castanha do Pará entrou no lugar das nozes.
  • Ervas e temperos diversos para dar sabor sem abusar do sal, como alho, alho porró, cebola, cebolinha, alecrim, coentro, salsinha, manjericão, orégano, canela, tomilho, hortelã etc – manteve!
  • Azeite de oliva extra virgem, com acidez até 0,5% como principal gordura da dieta. Para brasileiros, o óleo de canola, soja e girassol.
  • Leites e derivados com baixo teor de gordura – somos sortudos, temos o delicioso queijo tipo minas, leite e iogurtes desnatados.
  • Maior consumo de peixes como o salmão e atum. Aqui temos a pescada branca e a sardinha. Essa última tem tido maiores índices de ômega 3 do que o próprio salmão!

Aos poucos vamos conversando mais sobre isso, por enquanto aproveite a diversidade de alimentos que nós brasileiros temos a sorte de ter e deixe seu prato bem colorido!

Natalia_V



Um pouco sobre

Fernanda Floret


  • Quem j viu o vdeo sobre como organizar o chhellip
  • Pode se emocionar com um projeto to lindo assim? Muitohellip
  •  amanh! Feriado de aniversrio de So Paulo com atividadeshellip
  • Hoje meu gostozento completa 1 ano e 10 meses Jhellip